Nós sabemos que ele é da família! Então nada mais justo que proporcionar segurança e conforto pra quem a gente ama, não é mesmo?! Sem contar que andar com animais soltos dentro do veículo é um risco enorme para o condutor e demais passageiros, pois em caso de um acidente todos podem sair machucados, inclusive você.

Agora que você já se conscientizou de que não pode andar com o seu amigão solto dentro do carro, veja quais são as maneiras e acessórios veiculares próprios, disponíveis facilmente no mercado, que podem te auxiliar no leva e traz de seu melhor amigo, com segurança:

1ª – Cinto de segurança para cães.

Imagem retirada do site: www.matsudapet.com.br

Com o cinto de segurança para cães seu animalzinho fica preso de forma segura evitando que seja arremessado no caso de uma colisão. Além de proporcionar total liberdade e conforto de se mexer/trocar de posição (sentar e deitar) sem se deslocar dentro do carro e atrapalhar o condutor do veículo.

2ª – Caixa de transporte para cães.

Imagem retirada do site: www.diariodegoias.com.br

As caixas de transporte são uma boa opção para cães de pequeno porte. Funcionam como uma espécie de “toca” para seu amiguinho, lhe proporcionando segurança e aconchego durante todo o percurso de carro. Mas atenção! Mesmo com a caixa de transporte não podemos abrir mão do cinto de segurança. A diferença é que nesse caso você pode utilizar o cinto do próprio veículo, amarrando a caixa de transporte, para que ela não fique solta.

3ª – Grade ou tela + Cinto de segurança.

Imagem retirada do site: www.zenanimal.com.br

Se o seu cãozinho é muito agitado e não te dá sossego para dirigir, uma ótima alternativa é fazer uso de grade ou tela própria para carro. Ela fará a função de cercar o seu animalzinho impedindo-o de transitar para os bancos dianteiros. Mas atenção, o uso da grade ou tela não dispensa o uso do cinto de segurança para cães. A grade/tela apenas cercará seu animalzinho, já o cinto irá protegê-lo de ser arremessado do veículo em caso de uma colisão, portanto, use sempre os dois juntos!

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos e ajude mais pessoas com essas dicas!

 

Produção de conteúdo e imagens desenvolvidos pela Rede Paraty Estacionamento.

Você sabia que os carros sofrem com a baixa temperatura?

Listamos 3 dicas de cuidados que você sempre deve ter com o seu carro quando a temperatura cair, confira:

1 – Abasteça o Tanque de partida a frio.

Muitos desconhecem que nos carros FLEX, além do tanque de combustível, que fica na parte de trás dos carros, também existe um reservatório de gasolina menor, localizado na parte frontal do veículo, próximo ao motor, geralmente chamado de tanque de partida a frio. 

Quando for abastecer o seu carro abra o capô e peça ao frentista para lhe mostrar onde fica esse reservatório. Caso verifique que ele está vazio ou com pouca gasolina, você deve completar. Esse reservatório só pode ser abastecido com gasolina e de preferência gasolina premium (aditivada), pois ela tem um prazo de validade maior que a comum. 

A função do tanque de partida a frio é injetar gasolina no motor durante a partida do veículo, facilitando o seu funcionamento nos dias mais frios, principalmente se o carro estiver abastecido com etanol, já que a combustão do etanol tem menos poder calorífico que a da gasolina, o que é um problema no inverno. 

Alguns motoristas alegam que só abastecem o seu carro com gasolina e por isso não é necessário abastecer o tanque de partida a frio, só que essa atitude é errada. Mesmo que você utilize apenas gasolina para abastecer o seu carro é recomendado que não deixe de abastecer o tanque de partida a frio. Um veículo é feito para ser utilizado, toda e qualquer peça existente tem que trabalhar. Você já deve ter ouvido falar que carro parado estraga, não é mesmo? Nesse caso não é diferente. Esse tanque não foi colocado ali atoa e o seu desuso poderá acarretar problemas futuros. Portanto, crie o hábito de também abastecê-lo.

2- Proprietários de carros FLEX, não deixem o tanque somente com etanol.

A combustão ocorre quando um combustível reage com oxigênio e produz calor. O poder calorífico é a quantidade de energia interna contida no combustível, resumindo, quanto maior o poder calorífico de um combustível maior será a energia contida e como consequência mais rápida será a sua combustão. 

O poder calorífico do etanol é 70% do poder calorífico da gasolina, ou seja, o carro quando abastecido somente com etanol tem 30% a menos de poder calorífico que um carro abastecido 100% com gasolina.

Em dias frios isso é um problema para os veículos que utilizam apenas etanol.

Por isso, a orientação é que no inverno os proprietários de veículos FLEX abasteçam o tanque com pelo menos 20% de gasolina, facilitando a partida do carro.

3- Fique atento a bateria do seu carro.

Como citamos anteriormente, no inverno os veículos têm uma dificuldade maior de dar a partida. Todo esse esforço, de certa forma, acaba exigindo mais da bateria do carro, que por sua vez, se já estiver no fim da vida pode acabar arriando de vez.

Outro motivo pelo qual a bateria pode falhar durante os dias frios é porque no inverno o óleo do motor acaba ficando mais viscoso, fazendo com que as peças tenham uma dificuldade maior de deslizamento entre elas, forçando ainda mais a bateria.

Se o tanque de partida a frio do seu carro estiver abastecido corretamente com gasolina premium (aditivada), o tanque de combustível do carro estiver com pelo menos 20% de gasolina e mesmo assim você está encontrando dificuldades para dar a partida no seu veículo, o problema pode estar na bateria. Vá a uma assistência técnica especializada, verifique a sua vida útil e se necessário, já efetue a troca. Do contrário, você corre um sério risco de ficar na mão. 

Produção de conteúdo e imagens desenvolvidos pela Rede Paraty Estacionamento.